Partiu Estágio realiza nova convocação 


Estão sendo chamados 539 estudantes universitários


O Governo do Estado publicou nesta sexta-feira (8) nova convocação para o Partiu Estágio. Estão sendo chamados 539 estudantes universitários, inscritos no primeiro edital do programa em 2021, publicado no mês de fevereiro e com vagas para todo o executivo estadual. O grupo será informado da convocação por e-mail e mensagem de celular, de acordo com os dados cadastrados na plataforma no momento da inscrição. A lista completa estará disponível no site institucional da Secretaria da Administração (Saeb), disponível no endereço www.saeb.ba.gov.br.

Esta é a quinta convocação do Partiu Estágio para o edital 001/2021, totalizando seis chamamentos para o programa até agora, considerando o edital com vagas exclusivas para a Secretaria da Educação (SEC). Os estudantes terão dez dias úteis para se apresentarem, entre 18 e 29 de outubro, portando toda a documentação solicitada em edital (confira abaixo).

As orientações para apresentação constam no e-mail de convocação, que trará contato e endereço do local de estágio. Caso compareça fora do prazo ou portando documentação incompleta, o universitário pode perder acesso à vaga. Nesta convocação foram contemplados 57 órgãos, localizados em 38 municípios, que receberão estudantes de 85 cursos diferentes. As graduações com maior número de convocados são Direito (98), Ciências Contábeis (50) e Administração (48).

*Sobre o Partiu Estágio*

O programa oferta vagas de estágio para estudantes regularmente matriculados em instituições de ensino – superior estaduais, federais e privadas, com sede ou pólo de ensino na Bahia – e que cursem graduação nas modalidades presencial ou EAD. O edital prevê a reserva de 10% do total das vagas a deficientes físicos e prioriza universitários inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), seguidos daqueles que tenham estudado todo o ensino médio em escola pública ou com bolsa integral na rede privada.

A carga horária é composta de quatro horas diárias de atividades supervisionadas, chegando a 20 horas semanais, distribuídas de acordo com a necessidade da administração pública. Além da bolsa-estágio, os universitários terão direito a auxílio-transporte e 30 dias de recesso remunerado, proporcionais.

O contrato de estágio tem duração de um ano, sem possibilidade de prorrogação, exceto quando o estudante é deficiente físico. Dúvidas sobre a seleção ou sobre as regras do programa devem ser encaminhadas para o e-mail [email protected]

*Confira abaixo a documentação necessária:*

• Comprovante de residência
• Original e cópia da Carteira de Identidade
• Original e cópia do Cadastro de Pessoa Física – CPF
• Original e cópia de Carteira de Identidade do representante legal, ou do Termo de Guarda expedida por autoridade judicial, se for o caso
• Declaração da Instituição de Ensino informando semestre letivo, duração do curso, percentual cursado, turno de estudo, curso de formação e sua modalidade presencial (Anexo II do Edital)
• Comprovante de matrícula e frequência da Instituição de Ensino
• Declaração própria de que não exerce atividade remunerada em órgão público
• Original e cópia do Título de Eleitor, se for o caso
• Original e cópia do Certificado de Reservista, se for o caso
• Carteira de Trabalho e Previdência Social – CTPS
• Comprovação de inscrição no CadÚnico, se for o caso
• Histórico escolar do Ensino Médio ou declaração emitida pela instituição de nível médio, no caso dos candidatos que tenham sido selecionados pelo critério de ter estudado todo o Ensino Médio em Escola Pública ou como Bolsista integral
• No caso de pessoas portadoras de deficiência, deverá ser apresentado um Relatório Médico comprovando a deficiência.


Fonte: Ascom/Secretaria da Administração do Estado (Saeb)